╠ GeekTrooper ╣

Cultura Geek e Nerd ao alcance de todos.

Guardiões da Galáxia vol.2: 18 questões esclarecidas por James Gunn após o filme

Domingo passado, o diretor de Guardiões da Galáxia, James Gunn conversou abertamente com os fãs direto de sua casa e respondeu o que quer que eles quisessem sobre Guardiões da Galáxia vol.2 e com isso foi a oportunidade de tirar a maior parte das dúvidas que aflingíamos após o filme. Das motivações de Ego passando para as relações não verbalizadas de Quill e Gamora, veja 18 pontos curiosos que o diretor tocou durante o video ao vivo deste Domingo:

– Motivação de Ego. Durante a conversa, James Gunn respondeu de cara porque optou por colocar Ego confessando que matou Meredith Quill no terceiro ato. “Ego é um personagem muito complicado. Eu acho que todo o filme é sobre Ego. É a verdade. É sobre Ego tomando o controle de tudo. E ele fala pra Peter porque em algum ponto ele quer ter conexão com seu filho. E também, ele acha que naquele momento o Peter está entendendo o que é preciso para ser um conquistador. E naquele momento ele divide. Ele está cego e não é um cara muito bom, mas acha que é bom em interações sociais” explicou o Diretor. “Ele quer ter algum tipo de conexão com Peter, mas quando Peter o trai e atira nele, decide que vai usar o filho como vem usando a todos em sua existência” concluiu.

– A Forma humana de Ego. Algum fã perguntou se ao encontrar outras raças, a forma de Ego na verdade não deveria ter sido similar a delas. James Gunn acredita no mesmo, que ele assumiu diferentes formas e que o que Peter viu ali foi apenas uma encenação mais compreensível a seu entendimento. Foi tudo ali uma questão de adaptação narrativa.

– Sem J’Son. Apesar de ter respondido diversas outras vezes, James Gunn ressaltou que não gostava muito do personagem e que ele lembrava demais Star Wars com aquele lance de realeza e tudo mais. Gunn disse que desde o primeiro filme gostaria de alguém com poderes celestiais no lugar e Ego veio depois de muita reflexão como o personagem que mais bem se encaixava nisso.

– Sobre os Soberanos. “Eu precisava de uma força exterior que ficava nos empurrando para a frente na história e calhou de ser a personagem de Elizabeth Debicki chamada Ayesha, que eu amei. Era o propósito dela. Eu também amo o Adam Warlock. No meu rascunho original, Adam Warlock era meu personagem principal, mas eu simplesmente tirei o Adam porque estava tendo personagens demais. E como falei, eu precisava contar um pouco da história de vários personagens ali, e quando você coloca um personagem importante como esse na história, se torna demais. Eu naturalmente me vejo fazendo mais filmes do tipo Guardiões da Galáxia vol.2 do que Guardiões da Galáxia vol.1. Em Guardiões da Galáxia vol.1 é claramente um filme do Peter Quill e o restante são apenas personagens coadjuvantes. E nesse filme de agora é realmente um filme de multiplos protagonistas como Peter, Rocket e Gamora estrelando suas próprias histórias e os demais personagens estão ali ao redor deles.

-A despedida do Amigo. Mais uma vez, James Gunn lamentou a decisão de ter que matar o personagem Yondu da trama e ressaltou que mesmo passando dias refletindo sobre outras possibilidades, teve certeza de que para ser honesto com a história teria que tomar a decisão mais difícil. “Michael Rooker, por mais que eu reclame, é um dos meus amigos mais próximos do mundo e a última coisa que eu gostaria de fazer é um filme sem o Rooker no futuro. Eu quase desisti de Guardiões da Galáxia vol.3 porque o Rooker não estaria nele e eu não consigo me ver fazendo um filme em que ele não esteja. Ele realmente significa muito para mim” disse.

-Morto é morto. Respondendo uma pergunta de um fã, James Gunn ressaltou que Yondu está morto e que acha importante que esse fato chocante seja parte da história dos personagens no futuro. Ele não descartou, no entanto, que Michael Rooker não possa aparecer no formato de flashback ou algo do tipo num vol.3. Além disso, o diretor dividiu uma história dos bastisores revelando que o Rooker dormiu várias vezes na cena do enterro e que seu ronco atrapalhou muito as filmagens.

– Erro Cronológico. Antes que alguém falasse, James Gunn assumiu o erro cronológico criado pela cena da participação de Stan Lee com os Vigias. Quando ele cita que já foi um agente da FEDEX, acabou ressaltando uma situação que acontece DEPOIS de 2014, em Capitão América: Guerra Civil e Gunn faz questão de ressaltar que Guardiões da Galáxia acontece apenas meses após o primeiro filme. O diretor, no entanto, adianta que com boa vontade todos poderíamos assumir que Stan Lee pode ter sido um funcionário da FEDEX várias outras vezes.

– Quase uma referência a Deadpool. Antes de fazer a citação a ser uma agente da FEDEX, Stan Lee tinha outro texto em que falava ter feito uma participação como DJ em um stripclube, mas a ideia foi descartada no decorrer do caminho. É curioso ver que se fosse a frente seria a primeira citação entre os universo da FOX e da Marvel Studios no cinemas.

– Um personagem da FOX. Já não é mais novidade, mas durante o chat no Live do Facebook, o diretor ressaltou mais uma vez que se tivesse oportunidade, ele gostaria de ter o Aniquilador como um dos personagens para poder trabalhar num futuro filme seu.

-Guardiões Originais. James Gunn disse que aquela foi a única cena pós-credito que foi feita depois de ele encerrar toda a gravação do filme. Ele simplesmente amanheceu um dia e ficou pensando na cama que Guardiões da Galáxia usar. “Charlie-27 era óbvio. Martinex era óbvio. São dois dos Guardiões originais. Aleta achei que era uma personagem interessante. Mainframe era masculino. Eu achei que seria interessante ele aparecer como uma grande cabeça de robô que poderia fazer tanta outras coisas, mas teria a voz da Miley Cyrus. E Krugar eu achava que poderia ser algo aina mais estranho que Rocket e Groot e ainda assim ser um personagem interessante” relatou.

-Nunca houve participação de Nathan Fillion nas gravações. Gunn fez questão de ressaltar mais uma vez que a única coisa que existia com o amigo ator em Guardiões da Galáxia vol.2 eram fotos dele em umas espécies de posters que seriam de um tipo de amostra especial do ator Simon Williams. O diretor considera isso mais um “easter egg” do que um “cameo”.

– Mais um filho de Thanos. Sem entrar em detalhes, James Gunn ressaltou a pergunta do fã sobre “outros irmãos” da Gamora e Nebulosa. “É algo importante que você notou” disse o diretor. Será que em breve veremos Thane por aí? Talvez até em Guerra Infinita?

-Groot adolescente? James Gunn corrigiu mais de uma vez quem acompanhava o chat sobre essa questão de Groot adolescente. Para o diretor, aquela versão está mais para criança ou pré-adolescente. O diretor também afirmou que no final do filme, o Senhor das Estrelas é capaz de entender exatamente o que Groot fala.

– Nada de relação entre Drax e Mantis. James Gunn ressaltou que deixou bem claro no filme que não há nenhum intenção a mais entre os dois. “Não há absolutamente qualquer romance entre os dois. Eles são BFFs” disse o diretor e depois descreveu que “Drax é mais atraído pelo corpo físico de mulheres fortonas e não é o que a Mantis é”.

– Já entre Peter Quill e Gamora, pode-se confirmar aquele sentimento não-verbalizado. Todavia, não esperem tão cedo um beijo, já que não faz parte dos hábitos da Gamora uma demonstração mais literal de afeto por parte dela.

– Gamora não é tão boazinha. A perspectiva que tínhamos anteriormente sobre Gamora e Nebulosa muda totalmente. Segundo Gunn, ela é a transgressora, a que bulinava a irmã mais nova. Ela tem sido cruel com a irmã e agora o público sabe isso dela.

– Zune. O aparelho que não deu muito certo no seu lançamento pela Microsoft teve a oportunidade de brilhar no filme. Desta vez, ele surge como substituto do Walkman e contém mais de 300 músicas. Segundo Gunn, eles chegaram a entrar em contato com a Microsof, mas eles não se mostraram muito felizes com a ideia de serem zoados pelo seu fracasso de anos atrás.

– A última interação deste grupo. Repetindo o que já tinha falado antes, James Gunn alertou que Guardiões da Galáxia vol.3 será a última vez que veremos a formação deste personagens juntos. Isso, obviamente, não quer dizer que não os veremos separadamente ou que alguns personagens irão permanecer na formação futura que virá.

FONTE

Anúncios

Sobre Geektrooper

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 17/05/2017 por em BláBláBlá e marcado , , .

Blogs que sigo

Categorias

taverna42.wordpress.com/

O site mais geek que você já viu!

hqrock

Quadrinhos, música e afins

The Amazing Nerd

Simplesmente Espetacular

TI e Tendências Web

games mobile redes sociais segurança tendências

NERD GEEK FEELINGS

Notícias, resenhas, opiniões e comentários sobre o mundo do entretenimento

╠ GeekTrooper ╣

Cultura Geek e Nerd ao alcance de todos.

Arte & Ação

O universo começa dentro de nós.

Sphera Geek

Beta 2.0

Clube do Imperador

Conhecimento, Entertenimento e Cultura Pop!!

%d blogueiros gostam disto: